XIV MOSTRA E VIII CONCURSO NACIONAL DE VIOLÃO
FRED SCHNEITER
foto_fred.jpg

XIV MOSTRA DE VIOLÃO FRED SCHNEITER

 

A Mostra e Concurso Nacional de Violão Fred Schneiter já fazem parte dos eventos tradicionais no cenário violonístico da América Latina. Acontece anualmente em homenagem ao violonista e compositor brasileiro de Fred Schneiter, falecido precocemente, aos 41 anos, em 2001. Além de violonistas e conjuntos nacionais consagrados, contamos sempre com a participação de violonistas da América Latina. Neste ano nossos convidados de fora do Brasil são: Victor Rodrigues e Mario Yaniquini (Argentina) e Giordano Passini (Itália).

 

Dia 12, quinta-feira,  18:00 h

 

GILSON ANTUNES, violão

Maurice Ohana                                              Tiento

Gaspar Cassadó                                            Leyenda Catalana

João Octaviano Gonçalves                        Nocturno

Leo Brouwer                                                  Tarantos

Francisco Mignone                                       Valsas 1 E 8

Heitor Villa-Lobos                                         Valsa De Concerto N.2

Gilson Antunes utiliza cordas D’Addario

 

MARIO YANIQUINI  (Argentina), violão

Carlos Aguirre                                               Pedacito de Rio

                                                                          Chacarera

Juan Falu                                                       Rastro de Amor

Gentil Montaña                                             Corazon Errante

Carlos Gardel / Lepera                                El Dia Que Me Quieras

Cacho Tirao                                                   Milonga del Barbijo

 

MARIO YANIQUINI  e  VICTOR RODRIGUES (Argentina), violões

Marcelo Coronel                                           Milonga Arrugada

                                                                         Yerbita Compañera

Walter Heinze                                                El Prometido

Quique Sinesi                                                Agostando

                                                                         Milonga para Grela

 

VICTOR RODRIGUES (Argentina), violão

Leo Brouwer        El Decameron Negro

                                    - El arpa del guerrero

                                    - Balada de la doncella enamorada

                                    - La huida de los amantes por el valle de los ecos

Agustín Barrios Mangore               El Ultimo Canto

Antonio Lauro                                   Seis por derecho

 

 

 

Dia 13, sábado,  18:00 h

 

LUIS CARLOS BARBIERI, violão

Fred Schneiter                                   Suíte Sinuosa

                                                                                I – Mar Grande

                                                                   II – Cacha Prego

                                                                  III – Vazio

                                                                  IV – Bestetu

 

 

NICOLAS DE SOUZA BARROS, violão

Lançamento do CD “Chora, Violão!

 

Eduardo Souto                                    O Despertar da Montanha (tango de salão)

Henrique Oswald                                 Il Neige

Ernesto Nazareth                                Eponina (valsa)

H. A. de Mesquita                                Batuque

Ernesto Nazareth                                Guerreiro (tango brasileiro)

Henrique Oswald                                 Romanza e Scherzo (das Machiete                                                                  Op. 2, Nos. 7 e 2)

Isaac Albeniz                                        Asturias

 

GIORDANO PASSINI (Itália), violão

Ennio Moricone                                 Film Suite (Transcrição de Carlo Marchione)

J.K.Mertz                                           Tarantella

Mauro Giuliani                                   Rossiniana 1

 

 

RELEASES

 

GILSON ANTUNES

Gilson Antunes é considerado um dos violonistas brasileiros em maior atividade no momento, tendo apresentado centenas de recitais em 4 continentes, com performances na Europa, África, Ásia e nas três Américas, em países como Estados Unidos, Inglaterra, Israel, Portugal, Espanha, Itália, México, Uruguai, Venezuela, Peru, Bolívia, Argentina, Colômbia, Cuba e Paraguai. O Jornal mexicano El Diario classificou seu recital como “Excelente”, a revista inglesa Classical Guitar assim se expressou a respeito do CD “Marcus Siqueira por Gilson Antunes”: Gilson Antunes se mostra um excelente divulgador para a música desse compositor. Seu brilhantismo técnico o permite o luxo de não ter qualquer impedimento com esse assunto, permitindo-o focar na musicalidade e interpretação desta música tão interessante.

Gilson Antunes já gravou 4 CDs solo, todos eles com trabalhos inéditos voltados à música brasileira de concerto, além de um CD com o Trio de Violões de São Paulo, tendo participado do projeto Violões do Brasil (CD, DVD e Livro).  Atualmente é professor do Instituto de Artes da UNICAMP, sendo também endorser das cordas D´Addario.

 

MARIO YANIQUINI (Argentina)

Nascido na Cidade de Rosário, Mario Yaniquini começo a estudar violão com a professora Irene Pérez. Na Universidade Nacional de Rosário (Argentina) deu prosseguimento aos seus estudos com o violonista Víctor Rodríguez.

Participou de varios Festivais de violão na Argentina, Paraguai e Espanha, além de ser premiado em varios concursos de violão na Argentina.

Participou de masterclasses com destacados nomes do violão mundial, como Eduardo Isaac e Victor Villadangos (Argentina), Sérgio e Odair Assad (Brasil), Alvaro Pierre e Eduardo Fernandez (Uruguai) e David Russel (Reino Unido). Tem se apresentado em concertos na Argentina, Brasil, Paraguai, Espanha, França e Inglaterra.

Gravou dois CDs: “Mario Yaniquini Guitarra Argentina”/ 2006, Argentina e “Algo Así” música Argentina para violão/ 2011, Argentina.

Atualmente, atua como Presidente Executivo da “Asociación Guitarristica de Rosario” e Diretor Artístico do “Festival Internacional de Guitarras de Rosario FIGROS”.

 

VICTOR RODRIGUES (Argentina)

Desenvolve um intenso trabalho como profesor da Universidad Nacional de Rosario, na Escuela Provincial de Música e no Profesorado de Música Carlos Guastavino.

Tem realizado concertó e conferencias, apresentando seu método para violão "Guitarra Clásica y música popular" (UNR editora, escrito em coautoría com o professor Pepe Ferrer), em varios países, como: Argentina, Bolivia, Perú, Uruguai, Guatemala, Venezuela, Puerto Rico, República Dominicana, Chile, Brasil, Paraguai, Italia e Espanha.
En Asunción (Paraguai) estreou o Concierto para violão e orquestra, "Rapsodia Sudamericana” de Alekos Maniatis, que atuou como regente da Orquesta Sinfônica Nacional do Paraguai. Sua atividade como camerista se dá com diferentes formações: Duo de violões Gustavo D'Angelo e também com Osvaldo Muñoz, com quem gravou o CD "Manojito de amancay", dedicado a la obra de Remo Pignoni.
Como solista gravou o CD "Alas", dedicado ao repertorio de músicas argentinas e latinoamericanas.
Tem participado de Festivais como: Guitarras del Mundo (Argentina) e Festival de Guitarra de Cusco/ 2016, no Perú.

 

LUIS CARLOS BARBIERI

Gravou quatro CDs solo: “1984” (1984),“Barbieri & Schneiter solo” (2002), “Violão Urbano” (2006) e “Melodia Sentimental” (2016). Na UFRJ concluiu o Bacharelado em Violão, em 1991, e o Mestrado em Musicologia, em 2012, com o tema “Catálogo Geral e Revisão Crítica da Obra para Violão Solo de Fred Schneiter”.

Ficou conhecido pelo seu trabalho no Duo Barbieri-Schneiter, com o qual realizou, por 14 anos, concertos nas principais Salas do Brasil, além da Argentina, México, Itália, Áustria, Suíça e Portugal. Com o Duo gravou 3 CDs no Santuário Ecológico do Caraça (MG) entre 1995 e 1999. Em 2017, foi lançado o CD “Duo Barbieri-Schneiter Arquivo: Bach e Mozart” com gravações ao vivo do Duo.

Coordena, desde 2004, a Mostra e Concurso Nacional de Violão Fred Schneiter que é considerado um dos mais importantes Concursos de Violão do Brasil.

Como destaques internacionais Barbieri realizou, como solista, concertos na Europa e regularmente participa de festivais de violão na América Latina.

Desde 2008, produz e apresenta o programa semanal “Violões em Foco”, na Rádio MEC, que é destinado aos acontecimentos do mundo violonístico.

Em 2012, lançou o CD “OITIS”, totalmente dedicado às composições de Sérgio Roberto de Oliveira, ao lado da soprano Mimy Cassiano e da flautista Maria Carolina Cavalcanti.

 

Nicolas de Souza Barros

Especializado em instrumentos de cordas dedilhadas, como alaúdes diversos e as guitarras barroca e romântica, Nicolas de Souza Barros dedica-se desde 2004 ao violão de oito cordas com afinação estendida (a primeira corda afinada uma quarta acima da corda mais aguda do violão tradicional), buscando criar um repertório para este instrumento impar. Desde 2014, lançou os CDs solo Nazareth por Nicolas de Souza Barros (2014), Ravel / Debussy: Imagens (2015) e Chora, Violão! (2017), sempre com arranjos autorais próprios de obras originais para piano.

É Professor Associado de Violão da UNIRIO (Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro), onde diversos dos seus orientandos têm conseguido resultados expressivos em concursos nacionais e internacionais, bolsas em prestigiosas escolas estrangeiras, e atualmente mais de uma dezena são docentes em instituições federais e estaduais brasileiras. Em 2017, assumiu a Coordenação do Mestrado Profissional em Música da UNIRIO (PROEMUS), o único do país voltado à elaboração de produtos ligados ao ensino das práticas musicais, como métodos, sites, apps, CDs e outros.

É um dos diretores da  Associação de Violão do Rio (AV-Rio), que ajudou a fundar em 2001 e pelo qual organizou centenas de recitais e três CDs coletivos. Já apresentou-se em dez países europeus e americanos, assim como nos principais centros brasileiros.

 

GIORDANO PASSINI (Itália)

Giordasno Passini nasceu em 1986, em Bolonha (Itália), e iniciou seus estudos de música aos 12 anos de idade.

Em 2016, concluiu uma brilhante carreira academica no Conservatório de Santa Cecilia, em Roma, iniciada em 2011, no Conservatório Licinio Refice. Tem atuado intensamente em concertos pela Europa, Leste Europeu, China e América Latina.

Em 2014, lançou seu primeiro CD solo “Frammenti”, dedicado ao reperetório violonistico do século 20 e que recebeu elogiosa crítica de publicações especializadas, com a Revista “Sei Corde” (Itália).

Desde 2009, é o Diretor Artístico e idealizador do Festival Internacional de Violão “Claxica”, em Bolonha (Itália).

Giordano Passini utiliza um violão construido pelo lutier napolitano Alessandro Marseglia.

 

Gilson Antunes.jpg

GILSON ANTUNES

 

 

Mario Yaniquini.jpg

MARIO YANIQUINI

 

 

Victor Rodrigues.png

VICTOR RODRIGUES

 

 

Barbieri 1 foto Silvia Marinho.jpg

LUIS CARLOS BARBIERI

 

 

Nicolas Barros.jpg

NICOLAS DE SOUZA BARROS

 

 

Giordano Passini 1.jpg

GIORDANO PASSINI